PARAFUSO DE CABEÇA CILÍNDRICA COM SEXTAVADO INTERNO

PARAFUSO DE CABEÇA CILÍNDRICA COM SEXTAVADO INTERNO
ANSE B 18.3 - Polegada



 *A referência “C” deve distante 1xd (diâmetro nominal do parafuso) a partir do assentamento da cabeça.
**Parafusos com comprimento “L” até “RT” devem ter rosca total. Acima de “RT” o comprimento de rosca será igual a “T”.
***Faixa de comprimentos fabricados. Demais comprimentos sob consulta.

Notas:
Material: Aço liga de alta qualidade
Tratamento térmico: :Dureza 39 – 44 HRC
Tensão de tração: 1240N/mm² mín.
Classe de rosca: # 0 até 1”- 3A
  Acima de 1”- 2A
 

TORQUE RECOMENDADO (Nm) E FORÇA TENSORA MÍNIMA (KN)

(1) O torque, neste caso, é limitado em função da baixa resistência à compressão do material da contra – peça. Aconselha-se a utilização
de uma arruela plana da aço para distribuir a pressão superficial.
(2) Arruela plana em aço temperado com dureza entre 40 e 43 HRC e diâmetro externo mínimo = 1,2 x diâmetro da cabeça do parafuso.
(3) Arruela plana em aço temperado com dureza entre 40 e 43 HRC e diâmetro externo mínimo = 1,6 x diâmetro da cabeça do parafuso.
 

TABELA DE FORÇA TENSORA (FM)

Onde:
FM = As x Rm x Rendimento x Rp 0.2 x Fator
 

GARANTIA DE RESITÊNCIA À FADIGA DO PARAFUSO TELLEP

Resistência à fadiga, conforme equação desenvolvida por Kloos e Thomala para parafusos com passo de rosca normal e UNRC rolada antes de tratamento térmico.
Ensaio conforme ISO 3800 com carga média = 0,75 RP 0,2